Traços e riscos da Biodiversidade  é uma exposição coletiva de ilustração que encerra o projeto Arte no Parque. Uma iniciativa do Centro de Ciência Viva de Vila Real  em parceria com a Instantes Mutantes que pretende sensibilizar a comunidade para a necessidade de conhecer e proteger o património biológico natural. Um desafio criativo lançado a 13 artistas e ilustradores portugueses.

A exposição é constituída por 13 serigrafias limitadas, numeradas e assinadas pelo autor. A impressão ficou a cargo do projeto mutante Nódoa Atelier que imprimiu de forma manual e tradicional cada uma das 13 ilustrações numa edição de 40 a duas/três cores.

Traços e Riscos da Biodiversidade continua disponível na nossa loja online.



Inauguração 07 de setembro de 2018.

Museu do Som e Imagem, Vila Real

Curadoria & design: Instantes Mutantes

Uma iniciativa: Centro de Ciência Viva de Vila Real  

Ilustradores convidados: Draw, The Caver, Fedor, Neku, Hate, Mots, ThirdBafo de PeixeContraFátima Bravo, Eduardo Porto, Daniel Souto, Pereira de Sousa.

Impressão: Nódoa Atelier

Vídeo e fotografia: Paulo Sampaio & Nuno Sampaio


Using Format